terça-feira, 15 de janeiro de 2013

10 Filmes sobre Turistas


Temporada de férias de verão e muita gente está fazendo turismo pelo mundo todo.
O cinema já retratou bons e maus momentos das viagens turísticas.
Veja esta lista de 10 filmes sobre o tema.

1.  Antes do Amanhecer (um rapaz americano e uma garota francesa - Ethan Hawke e Julie Delpy - se conhecem num trem e ele a convence a fazer uma escala de um dia em Viena. durante este dia e noite eles irão se conhecer, até o amanhecer, quando cada um seguirá seu destino. as paisagens da capital austríaca são lindas e o romance de verão é inesquecível)

2.  Paraíso Amor (três mulheres austríacas gordas e de meia idade vão para um resort no Quênia em busca de turismo sexual. os jovens africanos exploram ao máximo essas "sugar mamas", dando-lhes um pouco de sexo em troca de dinheiro. uma abordagem diferente, realista, melancólica e um tanto perturbadora. ótimo filme de Ulrich Seidl de 2012)

3.  Férias Frustadas na Europa (depois da aventura pelos EUA, a família Griswold - chefiada por Chevy Chase - ganha, num programa de televisão, passagens e hospedagens na Europa - Roma, Paris e Londres. em todos os países onde vão, claro, arrumam confusão. divertido)

4.  Eurotrip (na formatura do colegial, um rapaz americano convence os amigos a embarcar numa aventura para encontrar seu grande amor virtual, uma garota alemã, que ele achava ser um homem, e pedir desculpas a ela pelo mal entendido. eles só conseguem passagens até Londres e terão que fazer o resto do caminho como puderem e acabam vivendo muitas aventuras em Londres, Paris, Amsterdam, Bratislava, Berlim e Roma)

5.  O Turista (Angelina Jolie recebe um bilhete num café em Paris mandando-a embarcar num trem para Veneza, escolher alguém com determinadas características físicas e torná-lo um chamariz para a máfia russa e a Scotland Yard. ela encontra um turista americano - Johnny Depp - e o envolve num jogo mortal. lindas paisagens, especialmente do Vêneto) 

6.  A Praia (Leo DiCaprio é um mochileiro americano, que vai para a Tailândia e se hospeda numa espelunca, onde conhece um casal de franceses e encontra um mapa de uma ilha secreta, paradisíaca e sem turistas e decide ir até lá. o problema é que o local era também uma grande plantação de maconha, vigiada por traficantes perigosos. bom filme de Danny Boyle com paisagens de tirar o fôlego)

7.  O Impossível (um casal britânico com seus três filhos vai passar os feriados do natal de 2004 na Tailândia numa praia paradisíaca e acaba vitimada pelo tsunami histórico que arrasou a região e matou mais de 250 mil pessoas, dentre eles muitos turistas. a partir daí a mãe luta para salvar o filho que restou e ser resgatada num hospital num ambiente caótico. baseado numa história real de uma família espanhola. Naomi Watts foi indicada ao Oscar)

8.  O Homem que Sabia Demais (durante as férias em Marrocos, um médico americano e sua mulher - James Stewart e Doris Day e o filho adolescente conhecem um homem misterioso - Peter Lorre - no ônibus de turistas. mais tarde o reencontram, com uma faca nas costas, mas antes de morrer ele sussurra para o médico um plano para um assassinato que vai ocorrer em Londres, colocando a família na mira de bandidos. clássico de Alfred Hitchcock, refilmagem de 1956 do seu próprio filme de 1934)

9.  Na Mira do Chefe (após um trabalho mal feito, dois matadores profissionais - Colin Farrel e Brendan Gleeson - são mandados por seu chefe - Ralph Fiennes - para a cidade medieval de Bruges na Bélgica para esperar instruções. enquanto o primeiro odeia o local, o segundo está feliz por poder fazer turismo. divertida comédia de humor negro)

10.  The Inbetweeners (os personagens de uma série britânica de sucesso, quatro jovens desajustados de 18 anos, vão passar as férias numa ilha grega onde a festa dura o dia todo. deslocados, eles se dão mal desde o péssimo hotel onde ficam hospedados até as mulheres com quem conseguem ficar. um filme adolescente muito acima da média)

Menções honrosas: 

  • As Férias do Sr. Hulot
  • O Turista Acidental
  • Turistas
  • Em Direção ao Sul
  • A Trilha
  • Meia-Noite em Paris
  • Babel
  • Amantes de Verão
  • Comer Beber Viver
  • Cartas para Julieta
  • Muito Além de Rangoon
  • Crocodilo Dundee
  • Seis Dias Sete Noites
  • Vicky Cristina Barcelona
  • Sob o Sol da Toscana
  • Minha Irmã
  • Relax
  • Terraferma
  • Morte em Veneza
  • O Céu que nos Protege
  • Sex and the City 2


Veja ainda: "10 Filmes com Papas"

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

10 Filmes de Maior Bilheteria de 2012 no Mundo


Bilheteria não é sinônimo de qualidade, mas de bom marketing e afinidade com o maior número de espectadores.
Todos os filmes desta lista pertencem a franquias.
Agora que o ano já fechou, veja a lista comentada dos filmes de maior receita do ano:


1.  Os Vingadores (US$ 1.511.800.000. mesmo com orçamento de 220 milhões, a superprodução, que reuniu vários super-heróis da Marvel, deu um lucro fabuloso. e foi merecido. tem um roteiro bem construído, uma direção segura, bons atores... uma combinação rara que coloca o filme como a terceira maior bilheteria da história, perdendo apenas para Avatar e Titanic)

2.  Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (US$ 1.081.000.000. com um resultado bastante semelhante ao filme anterior - O Cavaleiro das Trevas -, o filme de Nolan encerra sua trilogia Batman, com três filmes de qualidade inegável e quase 2 bilhões e meio em caixa, fora os outros meios. a melhor coisa do filme é a ótima mulher-gato de Anne Hatthaway)

3.  007 Operação Skyfall (US$ 1.023.300.000. cruzando a marca do bilhão, a versão de Sam Mendes faturou quase a soma dos faturamentos dos outros dois filmes com Daniel Craig no papel de James Bond. sucesso comparável apenas a 'Thunderball' de 1965, com Sean Connery. e o filme é excelente, com um 007 mais humanizado, mas sem perder o ritmo)

4.  A Era do Gelo 4 (US$ 875.200.000. a série animada da Fox não perde o pique e continua faturando alto, curiosamente as bilheterias caem no mercado americano, mas sobrem nos outros países - 81.6% fora dos EUA. a história é mais fraca que as anteriores, focada na divisão dos continentes, mas tem lá sua graça)

5.  O Hobbit: Uma Jornada Inesperada (US$ 824.800.000. a retomada dos personagens de Tolkien por Peter Jackson já era esperada depois dos bilhões faturados pela trilogia do Senhor dos Aneis. o sucesso veio um pouco menor, mas veio. o problema é que os livros do Hobbit, anteriores à saga, não rendem assunto para preencher mais 3 filmes de 3 horas de duração e o resultado foi este filme arrastado, com muitas sequências desnecessárias. o que vale o ingresso é o ótimo Gollum e a nova tecnologia de 48 frames por segundo, que tem um impacto semelhante à entrada do HD na televisão)

6   A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 2, O Final (US$ 813.900.000. a conclusão da série foi a de maior bilheteria, graças ao faturamento internacional - nos EUA ela perdeu força e não supera as partes 2 e 3. nada indica que haverão novos filmes, mas com mais de 3 bilhões faturados em filmes relativamente baratos, subprodutos deverão surgir)

7.  O Espetacular Homem Aranha (US$ 752.200.000. a troca de Maguire por Garfield derrubou as bilheterias, mas ainda assim a série continua muito lucrativa e já garantiu mais um episódio para 2014)

8.  Madagascar 3: Os Procurados (US$ 742.100.000. a franquia animada da Dreamworks continua indo muito bem nas bilheterias, melhorandoum pouco a cada filme. este episódio, passado na Europa, tem cenas de circo bem legais. uma boa diversão)

9.  Jogos Vorazes (US$ 686.500.000. o sucesso deste primeiro filme desta nova franquia, baseada nos livros de Suzanne Collins, já garantiu outras três continuações em 2013, 2014 e 2015. é uma cópia descarada do japonês "Battle Royale", com muitos detalhes idênticos. a autora misturou isso com "O Show de Truman" e ficou rica. apesar de ser plágio e de de ter uma direção de arte, que se pretende moderninha, mas só é kitsch, e de ser longo demais, o filme entretém. muito graças ao talento da Jennifer Lawrence)

10.  MIB³ - Homens de Preto 3 (US$ 624.000.000. mais uma franquia de sucesso. neste o agente J volta à 1969, para impedir o assassinato do agente K, durante o lançamento de um foguete. o roteiro é divertido e bem estruturado)

Veja ainda: "10 Filmes de Maiores Bilheterias de 2011 no Mundo"

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

10 Filmes com Atores que Morreram no 2º Semestre de 2012


Mais uma vez, o 'Listas de 10' homenageia os atores que se foram no último semestre.
Foram grandes as perdas, que incluem ainda o diretor Tony Scott, o escritor e roteirista Gore Vidal e os músicos Marvin Hamlish e Ravi Shankar.
Aqui estão alguns dos principais atores e atrizes que morreram entre 01/07/2012 e 31/12/2012.

1.  Ernest Borgnine - Marty (08/07 - 95 anos, falha renal. americano, filho de imigrantes italiano, Borgnine fez mais de 200 filmes, telefilmes e séries desde a década de 1950. ganhou dezenas de prêmios, entre eles o Oscar de melhor ator em 1956 pelo papel de deficiente mental em 'Marty')

2.  Celeste Holm - A Luz é para Todos (15/07, 95 anos, ataque cardíaco. destacada atriz de teatro, começou no cinema em 1946. pelo papel de uma jornalista de moda em seu terceiro filme, 'A Luz é para Todos', ganhou um Oscar de atriz coadjuvante, categoria pela qual seria indicada mais duas vezes, por 'Falam os Sinos' e 'A Malvada'. a partir daí dedicou-se à televisão em dezenas de série e telefilmes)

3.  Susanne Lothar - A Fita Branca (21/07, 51 anos, causa não revelada. a atriz alemã, frequente nos filmes de Michael Haneke, como 'O Castelo', 'Funny Games' e 'Professora de Piano', também esteve em filmes importantes como 'O Leitor'. os motivos de sua morte súbita não foram ainda divulgados. por 'A Fita Branca', ela ganhou o principal prêmio de interpretação da Alemanha) 

4.  Michael Clarke Duncan - À Espera de um Milagre (03/09 - 54 anos, ataque cardíaco. o grandalhão Michael sonhava em ser jogador de futebol americano, mas sua mãe não deixou, com medo que ele se machucasse. decidiu dedicar-se a atuação, mudando-se para Hollywood, onde alternava pequenos papéis com bicos de guarda-costas de celebridades. até conseguir o papel em 'A Espera de um Milagre', que lhe valeu uma indicação ao Oscar e a mais de uma dezena de prêmios)

5.  Johnny Lewis - Felon (26/09 - 28 anos, suicídio. jovem, belo e com uma carreira prestes a estourar, Johnny sucumbiu às drogas e, durante o que aparenta ter sido um surto psicótico, matou uma senhora de 81 anos e jogou-se do telhado em seguida. em sua curta carreira, fez dezenas de séries, com destaque para um dos papeis centrais de 'Sons of Anarchy' e filmes como The 'Runaways', 'Aliens vs Predador 2' e 'Na Trilha da Fama'. no ótimo 'Felon', interpreta um jovem detento) 

6.  Herbert Lom - Um Tiro no Escuro (27/09 - 95 anos, causas naturais. nascido em Praga, Lom começou sua carreira em filmes tchecos, mas logo mudou-se para Hollywood, onde atuou em papeis tão diversos como Napoleão Bonaparte, um trapezista e um mercenário romano em Spartacus. ficou famoso na década de 1960 como o inspetor Charles Dreyfus em nove filmes da série Pantera Cor de Rosa, começando com 'Um Tiro no Escuro')

7.  Sylvia Kristel - Emmanuelle (18/10 - 60 anos, câncer. a holandesa Kristel era uma modelo até ser escolhida pelo diretor francês Just Jaeckin para estrelar o pornô soft 'Emmanuelle' em 1970, que tornou-se um marco do cinema e rendeu várias continuações. por conta disso construiu uma carreira e seus mais de 50 personagens sempre tinham alguma conotação sexual)

8.  Larry Hagman - Segredos do Poder (25/11 - 81 anos, câncer na garganta. filho da famosa atriz Mary Martin, o texano Larry teve papeis em dezenas de filmes, como o governador anti-políticos do bom 'Segredos do Poder'. mas foi na televisão que se tornou lendário, especialmente com dois personagens: o major Anthony Nelson de 'Jeannie é um Gênio' e o vilão J.R.Ewing de 'Dallas')

9.  Telma Reston - Os Sete Gatinhos (20/12 - 73 anos, câncer. a goiana Reston era muito conhecida dos papeis que fez na televisão, como a dona Violante de 'Aquele Beijo'. mas foi uma atriz importante do nosso cinema, marcando presença em cerca de 40 filmes, entre eles 'Bar Esperança', 'Cabaret Mineiro', 'Quilombo', 'Lua de Cristal' e como a gorda de 'Os Sete Gatinhos')

10.  Charles Durning - A Melhor Casa Suspeita do Texas (24/12 - 89 anos, causas naturais. veterano da segunda guerra, ex-lutador profissional de boxe, instrutor de dança, Durning tornou-se um dos mais importantes coadjuvantes de Hollywood, participando de mais de 200 filmes e séries. esteve em filmes como 'Tootsie', 'Um Golpe de Mestre' e 'E aí Meu Irmão Cadê Você?', foi indicado duas vezes ao Oscar, por 'Sou ou Não Sou' de Mel Brooks e pela divertida comédia musical 'A Melhor Casa Suspeita do Texas', no papel do governador)



Menções importantes: Jack Klugman.(12 Homens e uma Sentença), Marcos Paulo (Faroeste Caboclo), Harry Carey Jr (Rastros de Ódio), Sage Stallonne (Rambo V), Lupe Ontiveros (Goonies), Alex Karras (Victor ou Victória?), Hebe Camargo (Quase no Céu), Russell Means (O Último dos Moicanos), Andy Griffith (Um Rosto na Multidão), Lance LeGault (Recrutas da Pesada), Chad Everett (Apertem os Cintos 2), Phyllis Thaxter (Superman, o Filme), Joel Barcellos (Beijo 2348/72), Regina Dourado (Espelho d'Água)...


Veja ainda: "10 Filmes com Atores que Morreram no 1º Semestre de 2012"

sábado, 5 de janeiro de 2013

10 Melhores Filmes Brasileiros de 2012


Como todos os anos, o blog seleciona os melhores filmes nacionais lançados em nossos cinemas.
2012 foi um ano especialmente frutífero para o cinema brasileiro, com dezenas de bons filmes lançados e boas bilheterias, que só incentivam a sua produção e exibição.
Esta lista destaca 10 filmes, mas muitos outros merecem ser lembrados.
Confiram e comentem!

1.  Xingu (bem dirigido por Cao Hamburger, é importante para conhecermos a história dos povos indígenas da Amazônia e a fantástica contribuição dos irmãos Villas Bôas, figuras que deveriam ser mais lembradas e reverenciadas na nossa história. produção impecável, com destaque para as belas trilha sonora e a fotografia. o elenco - profissional e amador - está ótimo e o roteiro não faz concessões fáceis ao drama ou romance. uma obra emocionante e relevante, que deve ser vista no cinema - e não mutilada na rede Globo)

2.  Febre do Rato (a história de um poeta inconformado, que banca seu próprio tablóide, e o universo de liberdade que o cerca. poesia em estado puro, a arte como necessidade fisiológica. Cláudio Assis consegue tirar uma visceralidade única de seu filme. ao contrário de suas obras anteriores, este é alegre, sensual, espontâneo. um belo filme, com linda fotografia em PB de Walter Carvalho)

3.  Histórias que Só Existem Quando Lembradas (uma jovem fotógrafa, seguindo a pé pelos trilhos de trem, chega a uma cidade abandonada do Vale do Paraíba, onde uma pequena comunidade de idosos sobrevive, mantendo as tradições locais. a história começa com aparência de documentário, tem uma narrativa lenta, mas tudo vai se encaixando até o desfecho perfeito. um filme surpreendente, com um quê de sobrenatural. visto por poucos, que merece ser conhecido)

4.  Girimunho (numa cidadezinha do sertão mineiro, duas senhoras acompanham o girar do redemoinho. a primeira lida com naturalidade com a perda do marido, suas lembranças e seu fantasma. a segunda carrega no tambor a alegria de seu povo. a vida segue um ritmo totalmente diferente do nosso e nos causa estranheza. é fascinante entrar na vida dessas mulheres, acompanhar sua visão do mundo e sua razão de viver. belo filme!)

5.  Cara ou Coroa (um diretor de teatro convence seu irmão a abrigar dois militantes comunistas na casa da namorada, trazendo perigo para todos. o diretor Ugo Giorgetti é um grande construtor de tipos. aqui ele traz sua memória carinhosa de 1971, auge da ditadura militar, onde os jovens ainda eram idealistas e até ingênuos. o filme é excelente como um todo, mas brilha com dois grandes atores, Otávio Augusto como o tio reacionário e Walmor Chagas como um general rigoroso e, ao mesmo tempo, um avô terno)

6.  Gonzaga, de Pai para Filho (a história de Luís Gonzaga, sua carreira de altos e baixos e sua relação conflituosa com o filho Gonzaguinha. deixando de lado as liberdades históricas, o roteiro é bem estruturado, a música épica e o drama bem contado, que comove sem apelações. um bom filme de Breno Silveira, que em 2012 também lançou o irregular 'À Beira do Caminho')

7.  Uma Longa Viagem (o Brasil vem criando uma tradição de bons documentários. dentre as dezenas de ótimos exemplares lançados em 2012, destaco este, que foi o grande vencedor do festival de Gramado em 2011, tanto pelo conteúdo, quanto pela forma. a diretora Lúcia Murat conta a história de seu irmão mais novo, que para fugir da ditadura nos anos 1970, viveu num mundo de aventuras e, apesar de inteligente e articulado, acabou consumido por elas e pelas drogas. o filme parece não fazer juízo de valor, afinal, nos cerca de 8 anos de loucuras, ele deu duas voltas ao mundo, mas fica claro que pagou o preço, por não ter conseguido voltar ao mundo real como seus amigos. um belo documentário, com uma boa interpretação de Caio Blat, lendo as cartas do irmão quando jovem)

8.  Eu Receberia as Piores Notícias dos Seus Lindos Lábios (no interior da Amazônia, um fotógrafo de passagem acaba se envolvendo com a linda e instável esposa de um pastor, com consequências desastrosas. o talentoso diretor Beto Brant consegue dar fluidez ao filme. cercou-se de atores dedicados, que criaram personagens ricos e profundos. destaque para Camila Pitanga, que se entrega a um personagem difícil e faz um trabalho memorável. ótimo filme)

9.  2 Coelhos (um intrincado e elaborado thriller policial paulistano, que busca sua própria fórmula, sem copiar os similares americanos. um jovem decide fazer justiça com as próprias mãos através de um complexo plano, que vamos desvendando aos poucos. empolgante e visualmente inventivo, é um bom exemplo da maturidade técnica do nosso cinema)

10.  Raul Seixas: o Início, o Fim, o Meio (outra tendência do cinema nacional são os documentários musicais. Raul é um personagem perfeito por sua trajetória e sua personalidade. o diretor Walter Carvalho consegue, através de bons depoimento e alguns bons achados, construir o lado humano do ícone pop, da infância à morte precoce. um retrato digno)

Menções honrosas: A Música Segundo Tom Jobim, À Beira do Caminho, Vou Rifar Meu Coração, Era uma Vez Eu Verônica, Tropicália, Paraísos Artificiais, Menos que Nada, Corações Sujos, Heleno, Boca.

Veja ainda: "Os 10 Melhores Filmes de 2012"

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

10 Melhores Filmes de 2012



Todos os anos fazemos nossas listas de melhores e o Listas de 10 também faz as suas.
2012 não foi uma das melhores safras do cinema, mas trouxe alguns bons filmes.
Como critério, os filmes que concorrem precisam ter estreado nos cinemas brasileiros ao longo do ano, por isso não valem os downloads e nem as mostras e festivais.
É sempre difícil escolher apenas dez e é bom lembrar que esta é uma lista bastante pessoal.
Aqui vão os 10 melhores filmes estrangeiros de 2012, na minha opinião. (Os nacionais estarão numa lista à parte). Espero que gostem.

1.  A Invenção de Hugo Cabret (Martin Scorsese fez, da sua estreia em filmes infantis e 3D, uma ode de amor ao cinema. a homenagem à Mèllies e aos primórdios do cinema são absolutamente fascinantes. nunca o 3D foi tão bem utilizado no cinema, com profundidade pensada em cada sequência. deslumbrante, emocionante, genial!)

2.  Pina (mais que cinema, Wim Wenders criou uma nova experiência audiovisual. com um 3D que faz parte da coreografia, o filme se aproxima de uma exibição ao vivo, mais próxima e empolgante. a opção por gravar os depoimentos dos bailarinos em off sobre suas imagens é um recurso brilhante. um documentário sobre dança que emociona e extasia. o futuro das salas de cinema ficará marcado por esta obra-prima)

3.  A Separação (mais uma prova da força do cinema iraniano. um retrato da Teerã atual, através da história de um casal que se separa, pois a mulher quer imigrar e o marido quer ficar cuidando de seu pai doente. quando a mulher sai de casa, ele contrata uma cuidadora, com quem terá conflitos que acabarão num tribunal. vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro e outros 54 prêmios. excelente e obrigatório)

4.  Um Alguém Apaixonado (o mestre iraniano Abbas Kiarostami filma no Japão as longas sequências com o carro em movimento, que são sua marca registrada. na história, uma jovem universitária do interior sobrevive em Tóquio como garota de programa, sem que a família e o namorado saibam. ela é chamada por um velho professor aposentado. o final abrupto vai irritar muita gente, mas é adequado. as personagens são profundas, mesmo que as vejamos de longe. belíssimo filme)

5.  A Vida dos Peixes (um jornalista que optou por uma vida solitária, sempre viajando, visita seus amigos em Santiago durante uma festa, reabrindo velhas feridas. um filme intenso do chileno Matias Bize, com a câmera sempre em close ou em rápidas subjetivas, a trilha forte e envolvente, a ponto de suspender a respiração do espectador do começo ao fim. diálogos cortantes, brilhantes, roteiro simples e sem concessões de Julio Rojas. excelente)

6.  Holy Motors (Denis Lavant é um ator que, transportado por uma limousine, é levado a viver diferentes papéis ao longo de um dia. o cineasta francês Leos Carax construiu seu próprio universo de referências no cinema. apesar da bizarrice aparente, seus filmes fazem sentido, ou não... mas, no mínimo, provocam a reflexão)

7.  O Que Mais Desejo (depois do divórcio de seus pais, o irmão mais velho vai morar com sua mãe na casa dos avós, enquanto o irmão mais novo fica com o pai, guitarrista em outra cidade. o maior sonho do garoto é ver sua família reunida novamente e para isso elabora um complicado plano, que envolve a energia do cruzamento de dois trens bala. delicado, ingênuo e comovente, conta através da visão das crianças que nossos sonhos infantis permanecem por toda nossa vida. lindo filme de Hirokazu Koreeda)

8.  O Artista (o diretor Michel Hazanavicius conseguiu uma proeza: fez um filme mudo, em preto e branco, com atores franceses desconhecidos e um orçamento de 15 milhões de dólares e ganhou cinco Oscars, incluindo filme, direção e ator. além de faturar 133 milhões nas bilheterias do mundo todo, quebrando preconceitos da indústria e do público)

9.  Drive (dirigido pelo brilhante dinamarquês Nicolas Winding Refn, com uma ótima trilha sonora, é o filme mais cool da última temporada. um mecânico e dublê de cenas de perseguição no cinema - Ryan Gosling -, nas horas vagas, trabalha como motorista em assaltos. sua técnica sempre é utilizada para despistar a polícia, o que rende ótimas cenas) 

10.  As Vantagens de Ser Invisível (um garoto tímido, recuperando-se do suicídio do seu melhor amigo, entra no colegial e é adotado por um grupo de veteranos, que aprenderam a sobreviver mesmo deslocados dos padrões da escola. dirigido pelo autor do livro, Stephen Chbosky, que compreende bem seus personagens, com um ótimo trio de jovens atores - Percy Jackson, Hermione e Kevin - e uma trilha sonora excepcional, o filme pode ser um 'Breakfast Club' da atual geração. divertido, comovente, chocante... emocionante) 

Menções honrosas: Intocáveis, Tomboy, O Espião que Sabia Demais, Precisamos Falar Sobre Kevin, O Porto, A Fonte das Mulheres, As Quatro Voltas, Shame, Os Vingadores, Isto Não é um Filme, Cosmópolis, 007 Operação Skyfall, No, Moonrise Kingdom, Rota Irlandesa, O Moinho e a Cruz, A Arte da Conquista, Na Estrada, Cairo 678, Habemus Papam, As Neves do Kilimanjaro, A Primeira Coisa Bela, Weekend, Fausto, Minha Irmã, Argo, As Aventuras de Pi...

Veja ainda: "10 Melhores Filmes Brasileiros de 2012

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails