terça-feira, 3 de agosto de 2010

10 Filmes sobre o Macartismo



O termo macartismo (ou macarthismo) define um período de intensa patrulha anticomunista, ocorrida nos EUA do final dos anos 1940 até meados dos anos 1950.
Um de seus maiores expoentes era o senador Joseph McCarthy. Seus métodos de perseguição, ignorando os direitos individuais, o tornaram lendário, personificando as ações.
Durante esse período, milhares de americanos, principalmente nos meios artístico, cultural e acadêmico, foram acusados de serem comunistas e, consequentemente, anti-americanos.
Vários atores, diretores e roteiristas entraram para uma lista negra, que os impedia de conseguir trabalho em Hollywood, já que nenhum estúdio ousava enfrentar os comitês.
Esta lista traz 10 filmes que descrevem fatos reais ou fictícios desta verdadeira caça às bruxas.


1.  Testa de Ferro por Acaso (Woody Allen é um caixa de supermercado que aceita ajudar um amigo roteirista - o genial Zero Mostel -, que está na lista negra, assinando seus trabalhos. o plano dá certo e logo outros roteiristas pedem que ele faça o mesmo por eles. com o sucesso, ele próprio acaba chamando a atenção do comitê anticomunista. ótimo filme dirigido por Martin Ritt, ele mesmo vítima do macartismo)


2.  Boa Noite, Boa Sorte (um famoso âncora de tv entra em confronto direto com o senador McCarthy, ao denunciar seus métodos abusivos. o embate coloca em risco a própria televisão, ainda começando suas operações. ótimo filme, dirigido por George Clooney, baseado em fatos reais)


3.  Culpado por Suspeita (Robert DeNiro é um famoso diretor de cinema que se nega a denunciar seus colegas comunistas ao comitê, acaba entrando na lista negra e num pesadelo. sua carreira é interrompida, seus amigos se afastam e ele só terá a ex-esposa - Annete Bening - para ajudá-lo. bom filme)


4.  Cidadão Cohn (morrendo de aids num hospital de Nova York, o braço direito do senador McCarthy, Roy Marcus Cohn - James Woods soberbo - faz um balanço de sua carreira. anti-semita e homofóbico, secretamente ele era judeu e gay, mas aprendeu rapidamente os métodos de intimidação do chefe. excelente biografia feita para televisão)


5.  Pesadelo na Rua Carroll (uma editora da revista Life é demitida por se recusar a divulgar fontes de uma reportagem ao comitê anti-comunista. arruma emprego de dama de companhia de uma velha senhora, que é vizinha de suspeitos de nazismo investigados pelo FBI. um dos envolvidos é exatamente o senator que a processou e, para piorar, ela ajuda na investigação e se apaixona pelo agente FBI... rocambolesco como novela de tv)


6.  Nosso Amor de Ontem (Barbra Streisand é uma judia comunista que se apaixona pelo wasp de família rica - Robert Redford -, mas suas diferenças os separam. anos mais tarde se reencontram e vão juntos para Hollywood, onde ele torna-se roteirista e terão que enfrentar a perseguição do comitê de atividades anti-americanas. romance clássico, famoso pela canção "The Way We Were", ganhadora do Oscar)


7.  Chaplin (boa biografia do genial Charles Chaplin - Robert Downey Jr., indicado ao Oscar - desde a infância na Inglaterra até o sucesso no cinema. passando pelos inúmeros romances e os problemas políticos, que o levaram a ser expulso dos EUA pelo comitê, por conta de suas posições pacifistas. J.Edgar Hoover, chefe do FBI acreditava que Chaplin injetava propaganda comunista em seus filmes)


8.  Daniel (uma ficção sobre um rapaz e sua irmã, cujos pais foram executados após serem considerados espiões comunistas pelo conselho de atividades anti-americanas. o diretor Sidney Lumet foca no impacto sofrido pelos filhos e não assume a semelhança óbvia com o episódio real ocorrido com o casal Rosenberg. apesar disso, é um filme tocante)


9.  Cine Majestic (Jim Carrey é um ambicioso roteirista de cinema, que é acusado de ser marxista e perde o emprego, a carreira e até a namorada. desiludido sai de carro numa noite chuvosa e sofre um acidente. sem memória acaba levado pela correnteza e vai parar numa cidadezinha, onde é confundido com o filho do dono do cinema, desaparecido na guerra. herdeiro da sala, acaba se apaixonando novamente pelo cinema)


10.  Vampiros de Almas (numa clínica, de uma cidadezinha da Califórnia, vários pacientes relatam ao médico que seus parentes seriam impostores. logo ele descobre que os alienígenas estão substituindo as pessoas, invadindo seus corpos. um filme paranóico, uma das várias críticas disfarçadas contra o macartismo)


Veja também: "10 Filmes sobre a Ditadura Militar Brasileira"

3 comentários:

  1. Tive um professor de Sociologia na faculdade que pedia para vermos filmes para ilustrar as teorias. Lendo essa lista, por se tratar de um tema histórico, lembrei disso. Como seria interessante se os educadores mostrassem filmes e músicas para ilustrar as disciplinas e ensinamentos, acho que melhoraria o interesse no estudo. Com certeza essa pratica existe, mas é bem restrita. Quero fazer isso com minha irmã mais nova, tem sete anos, espero que ajude ela assim. Sobre a lista em si vou procurar ver Cine Majestic e Nosso Amor de Ontem. Dos que vi destaco Testa de Ferro Por Acaso e Boa Noite, Boa Sorte. Não perco uma lista do blog e sempre me serve de referência para escolher o que ver. Parabéns pelo trabalho!

    @_DanielSilva

    ResponderExcluir
  2. Vou confessar: só vi o excelente "Cine Majestic".Curiosamente é um dos grandes filmes do Jim Carrey e que é um tanto quanto desprezado pela crítica.Grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Existe um filme, pouco comentado, chamado Dash & Lily. Fala sobre o casal de escritores Dashiell Hammett e Lillian Hellmann (já vi esses dois nomes em outros posts deste blog), ambos foram perseguidos e tiveram enormes prejuízos em suas vidas pela "caça às bruxas" da época.

    ResponderExcluir

Todo comentário do Listas de 10 será moderado para evitar abusos.
Por isso mesmo, não são publicados imediatamente. Seja paciente!
Ao final de seu comentário, identifique-se! É chato conversar com anônimos.
Obrigado!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails