segunda-feira, 31 de maio de 2010

10 Explosões Memoráveis em Filmes


Muitos filmes de ação têm direito a explosões espetaculares, mas algumas delas são realmente memoráveis.
Nos 10 filmes desta lista, as cenas de explosão são importantes na trama e algumas delas constituem SPOILERS, embora tenham sido amplamente divulgadas.


1.  Zabriskie Point (é um retrato da contra-cultura americana, do fim dos anos 1960, sob a perspectiva de um jovem casal, uma estudante de antropologia, que ajuda a construir uma cidade no deserto, próximo a Los Angeles e um militante, procurado pela polícia, por ter matado um policial durante uma manifestação. um filme emblemático de Michelangelo Antonioni, mais conhecido pela cena da explosão - imaginária - da casa do chefe da garota, no final do filme, que é repetida dezenas de vezes, por diversos ângulos)


2.  Guerra nas Estrelas, o Retorno do Jedi (a cena da destruição da estrela da morte, no primeiro filme da série, fez tanto sucesso, que George Lucas o repetiu, com mais recursos, nesta terceira parte. desta vez o alvo foi uma segunda nave, maior que a anterior



3.  Batman, O Cavaleiro das Trevas (a explosão do hospital de Gothan é um espetáculo. na cena, o Coringa - o genial Heath Ledger -, detona os explosivos e sai vestido como um paciente, sem olhar para trás. para a sequência, os produtores aproveitaram a implosão de uma fábrica de doces em Chicago, com ótimo resultado final)


4.  Superman (com a iminente explosão de seu planeta, Krypton, os pais do bebê Kar-El o enviam à Terra, onde irá se tornar o Superman. o filme, de 1978, foi a primeira superprodução dos super-heróis dos quadrinhos. a explosão, significou o fim de toda uma população)


5.  Guerra ao Terror (no filme ganhador do Oscar, evitar as explosões era o trabalho do grupo de soldados no Iraque, mas elas estavam sempre - literalmente - por um fio de acontecer. a explosão inicial nos deixa grudados na cadeira, sem respirar)



6.  V de Vingança (numa Inglaterra totalitária, um homem mascarado salva uma jovem - Natalie Portman - e acaba envolvendo-a nos seus planos de revolução. a grande cena final, com a longa explosão do prédio parlamento inglês, com direito a fogos de artifício é ótima)


7.  Independence Day (alienígenas mandam naves para a Terra destruir a população e levar os recursos naturais. o filme é uma festa de explosões. a minha favorita é a do Empire State Building, visto de vários ângulos. mas a mais famosa é a da Casa Branca. escolha a sua!)


8.  Scanners, Sua Mente Pode Destruir (filme que apresentou o diretor David Cronenberg ao mundo. nele pessoas nascidas em experiências de laboratório, possuem poderes telecinéticos, capazes de matar com o poder da mente. os scanners eram capazes de explodir cabeças em cenas desagradavelmente realistas... Cronenberg)


9.  Os Caça-Fantasmas (a ótima comédia de Ivan Reitman traz três cientistas desempregados, que descobriram um novo trabalho, caçando fantasmas. um deles é um imenso homem de marshmallow, fruto do pesadelo de um deles. o monstro é destruído numa explosão hilária, que espalha marshmallow por toda a cidade)


10.  Star Trek III, À Procura de Spock (heresia! neste filme, o capitão Kirk aciona a auto-destruição da nave Enterprise, que explode, levando consigo a nave-mãe dos klingons, junto com sua tripulação. para os fãs da série, a destruição da nave doeu...)


sábado, 29 de maio de 2010

10 Filmes de Dennis Hopper



Dennis Hopper sempre foi um rebelde, um marginal. 
Participou de 2 dos 3 filmes de James Dean, de quem se tornou amigo.
Arrumou uma turma meio... alternativa, nos anos 1960, gente como Peter Fonda, Jack Nicholson e Roger Corman. 
Dirigiu e estrelou um dos filmes mais icônicos dessa época, 'Easy Rider'. 
Sempre esteve envolvido com o cinema independente, atuou em mais de 200 filmes, desde sua estreia, ainda adolescente, em 1954 e dirigiu 8 filmes.
Hopper morreu em 29 de maio de 2010, aos 74 anos e deixa um legado de bons filmes, duas indicações ao Oscar e um rosto marcante.
Esta lista traz 10 de seus filmes, em ordem cronológica.


1.  Assim Caminha a Humanidade (no clássico de George Stevens sobre a saga de uma família texana e suas desavenças por conta do petróleo e de romances, Hopper vive o neto de Rock Hudson, razão de um conflito racial, por conta da esposa mexicana de seu filho)


2.  Sem Destino (dois hippies - Hopper e Peter Fonda - atravessam o país, de Los Angeles a Nova Orleans, incorporando o espírito de liberdade e encarando o preconceito. clássico da contra-cultura e símbolo de uma geração, foi indicado aos Oscars de roteiro e ator coadjuvante - Jack Nicholson)


3.  O Amigo Americano (versão de Wim Wenders do livro de Patricia Highsmith, 'Ripley's Game', onde Hopper vive Tom Ripley, um americano golpista e manipulador, que usa um pacato artesão para cometer um crime em seu lugar. ótimo thriller, como mesmo personagem, vivido por Matt Damon anos mais tarde)


4.  Apocalypse Now! (na obra prima de Francis Ford Coppola, Hopper vive um fotojornalista que se torna o porta-voz do enlouquecido coronel Kurtz - Marlon Brando -, criador de uma seita, na floresta do Vietnan, o 'coração das trevas', do livro de Joseph Conrad)


5.  Out of the Blue (a história é centrada numa garota - Linda Manz -, cuja mãe é uma drogada e o pai - Dennis Hopper - é um ex-motorista de caminhão alcóolatra, que causou um acidente com um ônibus escolar, matando várias crianças. após seis anos na prisão, ele volta à casa. belo filme, dirigido por Hopper)


6.  O Selvagem da Motocicleta (Hopper vive o pai alcóolatra - de novo! - de Matt Dillon, um rebelde chefe de gangue, numa cidade industrial falida. o retrato pessimista de uma geração americana. um pequeno grande filme de Francis Coppola)


7.  Veludo Azul (obra-prima de David Lynch. de volta à sua cidade, um rapaz descobre uma orelha humana em seu jardim e, diante da passividade da polícia, decide investigar por conta própria, com ajuda da filha de um detetive. eles acabam se envolvendo num perigoso submundo, onde o mais assustador é o vilão, vivido por Hopper, provavelmente seu melhor papel)


8.  Momentos Decisivos (Hopper foi indicado ao Oscar de coadjuvante pelo papel de um ex-astro de basquete estudantil, que virou o bêbado da cidade - outra vez! - e ajuda um treinador - Gene Hackman - a transformar um time desacreditado em campeão estadual. baseado numa história real e edificante)


9.  Velocidade Máxima (grande sucesso comercial. Hopper é um psicopata, que coloca uma bomba num ônibus, que será detonada, caso a velocidade fique abaixo de 80 km/h. um policial - Keanu Reeves - entra no ônibus, com a ajuda de uma passageira - Sandra Bullock - salva o dia)


10.  Atos de Amor (filme mais ambicioso do carioca Bruno Barreto em Hollywood. Hopper é um professor medíocre, de meia idade, que vive numa fazenda com a mãe doente, levando uma vida igualmente medíocre, até ser seduzido por uma aluna de 17 anos. bom filme e boa atuação)


Veja também: "10 Filmes de Robert Altman", "10 Filmes de Edith Head" e "10 Filmes de Marilyn Monroe".

10 Transformações Físicas de Atores em Filmes



Parece a receita do sucesso... os atores que se sujeitam a engordar demais, emagrecer demais, criar músculos, perder músculos ou simplesmente ficar horrorosos para um filme, serão elogiados e ganharão muitos prêmios.
Para alguns, as interpretações naturalistas chegam à beira da insanidade, nem precisava tanto esforço para acreditarmos nos personagens. Para outros, menos dotados artisticamente, o "extreme make-over" é a solução para aparecer.
O rapper 50 Cent chamou a atenção recentemente, por ter perdido 22,6 kg e removido várias de suas tatuagens, para estrelar o filme 'Things Fall Apart', que estreia em 2011.
Esta lista traz 10 filmes para os quais os atores foram além do razoável em suas transformações radicais.


1.  Robert De Niro - O Touro Indomável (o padrinho das transformações malucas, De Niro emagreceu e ganhou músculos, para depois passar 3 meses na Itália, comendo só massa e engordar 25kg, para interpretar as várias fases do boxeador Jake LaMota, na obra-prima de Scorsese. resultado? Oscar! DeNiro também merece ser citado por seu Al Capone em 'Os Intocáveis')


2.  Christian Bale - O Operário (Bale não mede esforços para se moldar aos personagens, mas neste aqui ele exagerou. perdeu simplesmente 30 kg, transformando-se num "esqueleto", assustando a equipe e deixando o diretor com remorsos. Bale é um grande ator e continua se transformando em cada filme que faz, como em 'Psicopata Americano' e 'Batman Begins')


3.  Charlize Theron - Monster, Desejo Assassino (uma das atrizes mais belas do cinema, engordou 15kg, colocou uma prótese dentária e conseguiu o impossível, ficou feia para interpretar uma serial-killer e ganhar seu Oscar)


4.  Eric Bana - Chopper (Eric engordou 13kg e se encheu de tatuagens para viver um notável assassino, que esteve na prisão desde os 16 anos. sua ótima atuação ganhou ao menos um fã importante, Brad Pitt, que o convidou para co-estrelar Tróia, levando-o da Austrália para Hollywood)


5.  Renée Zellweger - O Diário de Bridget Jones (para interpretar a simpática solteirona, Renée teve que engordar 10kg, para isso bastou se encher de massas, difícil foi perdê-los. e o pior é que o filme foi um grande sucesso e está indo para a segunda continuação, forçando o efeito sanfona da atriz)


6.  Tom Hanks - Náufrago (Hanks aparece gordinho e saudável no início do filme, mas depois de 4 anos numa ilha deserta, o personagem tinha que ficar esquelético. para isso, Robert Zemeckis interrompeu as filmagens por 6 meses - enquanto filmou 'Revelação' - e Hanks teve que perder 23kg)


7.  Hilary Swank - Meninos não Choram (Hilary realmente entrou no personagem da garota que se faz passar por rapaz. fez um corte de cabelo radical - estava nos ombros na época -, emagreceu para perder massa e ficar com o rosto mais masculino, usou bandagens para esconder os seios e um pouco de maquiagem. transformou-se num menino, com tanta perfeição, que ganhou o Oscar e todos os prêmios daquele ano. ela também teve que ganhar músculos para tornar-se uma lutadora de boxe em 'Menina de Ouro', outro Oscar)


8.  Jared Leto - Capítulo 27 (o rock-star Leto, sempre cuidou bem do corpo, mas para viver o assassino de John Lennon neste filme e entender melhor o personagem, resolveu engordar mais de 30kg. o esforço lhe valeu uma gota - inflamação reumatológica -, alguns elogios, mas nenhum prêmio e o filme foi lançado direto em dvd)


9.  Edward Norton - A Outra História Americana (o franzino Norton ganhou 14kg de músculos, para interpretar o ex-neonazista, que tenta impedir que o irmão siga o mesmo caminho. a malhação lhe valeu uma indicação ao Oscar)


10.  Matt Damon - O Desinformante (um bigodinho estúpido e 15kg a mais compuseram o ótimo personagem de Damon, indicado ao Golden Globe. segundo ele, engordar foi muito divertido. certamente bem mais divertido do que perder 23kg para 'Coragem sob Fogo', outra de suas transformações)


Esta lista foi sugerida pelos amigos do twitter, participe lá também! TWITTER


Veja também: "10 Filmes com Vento", "10 Filmes Sobre Ecologia" e "10 Filmes Biográficos de Escritores".

domingo, 23 de maio de 2010

Os 10 Últimos Vencedores de Cannes


O festival de cinema de Cannes foi criado em 1939, para contrapor-se ao de Veneza, que estava sofrendo ingerência dos governos facistas.
Com o início da segunda guerra, a primeira edição acabou não acontecendo naquele ano, sendo adiada para maio de 1946.
Desde então, é o mais prestigiado dos festivais de cinema e foi responsável por apresentar ao mundo cineastas e culturas de diversos países.
Esta lista traz os últimos 10 vencedores de Cannes, incluindo o ganhador da Palma de Ouro de 2010, anunciado neste 23 de maio.


1.    Uncle Boonmee Who Can Recall His Past Lives (2010. sobre um homem doente, que decide passar seus últimos dias com familiares no interior da Tailândia, e lembra de suas antigas encarnações, como peixe e outros animais. uma fantasia - dita encantadora - do diretor Apichatpong Weerashetakul, que já havia ganho o prêmio do júri em 2004, por 'Febre Tropical'... mal posso esperar para ver)


2.  A Fita Branca (2009. estranhos acontecimentos ocorrem num vilarejo alemão, pouco antes da primeira guerra. o filme trata das raízes do nazismo, através da disciplina, das punições e intolerância, que começa com as crianças desta micro-sociedade. ótimo filme alemão de Michael Haneke, indicado a 2 Oscars e ganhador de 17 prêmios internacionais)


3.  Entre os Muros da Escola (2008. o professor de uma escola da periferia de Paris tenta lidar com o caldeirão de diferenças culturais e sociais de seus alunos. excelente filme de Laurent Cantet, que busca uma forma quase documental para retratar a sociedade francesa atual)


4.  4 Meses, 3 Semanas e 2 Dias (2007. na Romênia de 1987, pouco antes do fim da União Soviética, duas amigas têm que enfrentar a falta de liberdade e as dificuldades materiais da época, e ainda conseguir fazer um aborto nas condições mais precárias, com o risco de serem presas. um filme chocante do diretor romeno Cristian Mungiu)


5.  Ventos da Liberdade (2006. em 1920, trabalhadores irlandeses se unem para combater os exércitos britânicos, que chegam para sufocar o movimento de independência. um poderoso documento do grande diretor Ken Loach, com ótimos atores, em especial Cillian Murphy)


6.  A Criança (2005. um casal de jovens delinquentes franceses, vivem de pequenos furtos. namorados, acabam de ter um bebê, que não sabem como criar e ainda pretendem utilizar em seus golpes. retrato de uma juventude despreparada, dirigida pelos irmãos belgas Jean-Pierre e Luc Dardenne)


7.  Fahrenheit 11 de Setembro (2004. documentário do polêmico cineasta Michael Moore sobre as causas e consequências dos atentados de 2001, numa sucessão de teorias conspiratórias com e sem fundamento. a cena da - falta de - reação de George W.Bush, quando soube dos fatos, quando estava numa escola infantil é um achado. verdadeiro ou não, o filme é empolgante)


8.  Elefante (2003. num dia comum, numa escola de Portland, dois estudantes esperam, em casa, a chegada de uma metralhadora, com a qual irão invadir a escola e dizimar os seus colegas. obra-prima de Gus Van Sant, feito com uma secura angustiante. brilhante!)


9.  O Pianista (2002. em 1939, um pianista judeu polonês era o astro da rádio de Varsóvia, mas com o início da guerra, ele teve que viver no gueto, fugindo dos nazistas pelas ruínas da cidade ocupada, até o final da guerra. show de interpretação de Adrien Brody, que ganhou o Oscar, junto com o diretor Roman Polanski. ótimo filme de produção francesa)


10.  O Quarto do Filho (2001. um psicanalista leva uma vida tranquila com a família, dem Ancona, na Itália, quando seu filho morre afogado num passeio à praia, no qual ele deveria ter ido. a dor e o remorso corroem a família. um belo e triste filme de Nanni Moretti) 


Veja também as listas: "10 Filmes da 33a. Mostra de Cinema de São Paulo" e "10 Hotéis Famosos do Cinema".

sábado, 22 de maio de 2010

10 Filmes Drogados e Chapados



O cinema produziu muitos filmes sobre drogas, a maioria condenando os efeitos delas e mostrando o lado perverso do vício.
Mas existe também o contraponto, aqueles filmes que viajam nas drogas sem qualquer sentimento de culpa.
Esta lista traz 10 desses filmes, onde a droga é pura diversão.


1.  Viagem ao Mundo da Alucinação - The Trip (clássico do LSD de 1967, dirigido por Roger Corman, que aproveitava qualquer moda para ganhar uns trocados. Peter Fonda é um diretor de comerciais, em crise, que procura um amigo auto-intitulado guru - Bruce Dern -, que o introduz ao mundo do ácido. suas viagens incluem muita luz estroboscópica, sexo, morte, flores, dançarinas, bruxas, câmera de torturas e até um duende. roteiro de Jack Nicholson, que não atua, mas parece conhecer bem o tema)


2.  Segurando as Pontas (Seth Rogen é um agente judicial, que trabalha entregando mandatos. nas horas vagas e, às vezes, durante o trabalho, gosta de fumar maconha. seu traficante - James Franco ótimo -, lhe arruma uma mistura especial, conhecida como 'pineapple express', muito mais forte e que vai colocá-los numa enorme confusão. divertido)


3.  O Grande Lebowski (Jeff Bridges é o 'dude', um cara legal, hippie fora do seu tempo, que só quer curtir sua erva, quando cruza o caminho de um milionário e sua esposa caloteira. ótima comédia dos irmãos Coen)


4.  Jovens, Loucos e Rebeldes (em 1976, no último dia de aula de uma escola do Texas, os calouros e veteranos só querem saber de se divertir e ficar chapados. um ótimo filme de Richard Linklater, retrato de uma geração. divertido e sem culpa)


5.  Louca de Dar Nó (uma jovem atriz resolve comer os bolinhos que o seu roommate deixou na cozinha, com ordens expressas de não tocá-los. os doces eram recheados de maconha e ela entra em desespero, tentando comprar mais ingredientes para repor, enquanto a droga começa a fazer efeito com consequências hilárias)


6.  Medo e Delírio (em 1971, um jornalista - Johnny Depp - vai ao deserto de Nevada cobrir uma corrida de motos e, na companhia de seu doido advogado - Benicio del Toro -, se enche de drogas em busca de diversão. no cardápio da dupla, maconha, cocaína, éter, álcool, mescalina, ácido ou qualquer coisa que lhes dê barato.no fundo, um manifesto pela liberdade do diretor Terry Gilliam. muito bom)


7.  O Barato de Grace (Brenda Blethin é uma dona de casa viúva, com problemas financeiros depois do suicídio do marido. como é uma ótima jardineira, acaba aceitando a proposta do seu funcionário para produzirem maconha em sua estufa, para pagar suas contas. divertido e insólito)


8.  Aconteceu em Woodstock (para salvar o hotel dos pais, um jovem consegue convencer os produtores do famoso concerto de rock a levar o festival para sua pequena cidade. uma celebração do amor e das drogas, onde até os pais do rapaz entram na dança. a sequência do LSD na kombi é uma verdadeira viagem. ótimo!)


9.  Os Famosos e os Duendes da Morte (o que mais fazer numa cidadezinha de origem alemã no sul do país, a não ser ficar chapado falando besteira com seu melhor amigo? os diálogos nonsense da dupla são dos melhores achados deste excepcional filme de estreia de Esmir Filho)


10.  Alice no País das Maravilhas (Disney embarcou na onda das drogas e pouca gente se deu conta. Alice come cogumelos para crescer e diminuir de tamanho e entrar num mundo estranho, a lagarta fuma haxixe, o chapeleiro bebe chá sabe-se lá de quê... fala sério! se esse filme de 1951 não é um dos mais chapados do cinema, eu devo ser muito maldoso...)


Veja também: "10 Filmes sobre Drogas", "10 Filmes de Robert Altman", "10 Filmes de Marilyn Monroe" e "10 Filmes com Vento"

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails