terça-feira, 29 de junho de 2010

10 Filmes com Títulos Nacionais Idiotas



Traduzir títulos de filmes para o português é um trabalho ingrato, eu reconheço, nem tudo pode ser traduzido ao pé da letra. Mas alguns tradutores cometem verdadeiros atentados ao bom senso.
Conta a lenda que "Psycho" em Portugal teria sido traduzido como "O Homem que Era Sua Mãe"... é apenas lenda, o filme chamou-se apenas "Psico". Os portugueses têm demonstrado mais fidelidade que os marqueteiros brasileiros.
De um inesgotável manancial de sandices, escolhi 10 filmes que tiveram seus títulos assassinados por aqui. Confiram e sugiram outros... tenho certeza que todo mundo tem algum título que odeia para sugerir.


1.  O Diabo Disse Não (Heaven Can Wait. o grande campeão de criatividade nos títulos nacionais já tem quase 70 anos. esta ótima comédia de Ernst Lubitsch, que poderia ter sido traduzida como "O Céu pode Esperar", conta a história de um playboy que morreu e chega às portas do inferno, onde poderá ou não ser aceito, dependendo da decisão do diabo, depois de ouvir a história da sua vida. quem adivinha o que no diabo disse no fim do filme?)  


2. Os Brutos Também Amam (Shane. genial! uma verdadeira pérola. o título original era apenas o nome do personagem principal, um misterioso pistoleiro vivido por Alan Ladd, que nem era assim tão bruto... mas o tradutor cravou seu toque pessoal, que provavelmente afastou muita gente deste grande faroeste de George Stevens)


3.  Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (Annie Hall. o que sempre me intrigou é que perdi a cerimônia de noivado e nem sabia que havia casamento marcado entre o casal Annie Hall e Alvy Singer, Diane Keaton e Woody Allen respectivamente. o tradutor tentou criar um chamariz para a comédia, afinal Woody era um comediante, não era?)


4.  O Garoto do Futuro (Teen Wolf. o "Lobisomem Adolescente" do título por azar era interpretado pelo eterno adolescente Michael J.Fox, estrela da série 'De Volta para o Futuro', então... um marqueteiro ixxxperto cravou um título que lembrasse os sucessos. claro que não existe nada menos futurista que um lobisomem, certo?)


5.  Aconteceu em Woodstock (Taking Woodstock. assassinato recente, que ninguém parece ter notado. o título nacional inverte o sentido do original "Pegando Woodstock". na verdade é o oposto: não aconteceu em Woodstock, não há uma única cena em Woodstock, tudo aconteceu em Bethel, a 1h30 de lá)


6.  O Império do Besteirol Contra-Ataca (Jay and Silent Bob Strike Back. bem, contra-ataque tem no título, mas de onde saiu esse tal "Império do Besteirol"? os personagens criados por Kevin Smith, uma dupla de jovens alienados de Nova Jersey, ficam sabendo que os super-heróis de quadrinhos baseados neles foram vendidos para um estúdio de cinema


7.  O Casal Osterman (The Osterman Weekend. o último filme de Sam Peckinpah merecia melhor sorte. Bernard Osterman - Craig T.Nelson - recebe em sua casa de campo convidados que podem estar envolvidos numa conspiração que ameaça a segurança nacional. bem, para começar não existe uma senhora Osterman. a única explicação que imagino é que o tradutor, que nem sabia do que o filme tratava, entendeu "wedding" em vez de "weekend" e ainda assim o título estaria errado)


8.  Direito de Amar (A Single Man. o filme de estreia de Tom Ford, trata da súbita solteirice do protagonista, com a morte de seu companheiro, por isso o título "Um Homem Solteiro". o título nacional parece de uma novela mexicana e não tem nenhuma correlação com a trama e, para piorar, dá uma escorregada feia na correção política)


9.  Foi Apenas um Sonho (Revolutionary Road. concordo que o título, o endereço onde está a casa do casal, é difícil de traduzir, melhor seria deixar no original, como aconteceu em Portugal, Espanha e outros países. os tradutores brasileiros resolveram colocar um spoiler, e contar o final do filme já no título. ficou bonito, mas é spoiler!!!)


10.  Quem Não Herda... Fica na Mesma (Splitting Heirs. a comédia sobre "Herdeiros Divididos", estrelada por Eric Idle e Rick Moranis não é lá grande coisa, mas o título nacional não poderia ser mais tosco. tenta usar um trocadilho infantil, que só tem graça se você ainda não saiu do jardim da infância. e o pior são as reticências...)


Veja também: "10 Filmes Amaldiçoados (com Filmagens Acidentadas ou Trágicas)"

sábado, 26 de junho de 2010

10 Filmes com Ótimos Cachorros Coadjuvantes



Eles são nosso companheiros fiéis há mais de 100 mil anos.
Os cães, além de animarem nossas vidas, sempre funcionam bem no cinema, na televisão e na publicidade.
Alguns filmes tem cachorros que são secundários, não aparecem tanto, mas são mais lembrados que os próprios protagonistas humanos. E é deles que esta lista trata.
Aqui estão 10 bons exemplos de cães que roubaram a cena nos filmes onde estiveram.


1.  Baleia - Vidas Secas (dirigido por Nélson Pereira dos Santos com base no clássico de Graciliano Ramos, conta a história de uma família de retirantes nordestinos - pai, mãe, dois meninos e uma vira-latas - que atravessa o sertão fugindo da seca em busca de condições de sobrevivência. a cachorra, em pele e osso, que sonhava com um sertão cheio de preás, é a mais solidária e a que mais comove no filme. aliás, foram as crônicas sobre ela, que originaram o livro. a comoção causada em Cannes pela cena final, obrigaram os produtores a despachar a 'atriz' para a França, provando que ela estava bem)


2.  Toto - O Mágico de Oz (ok, Toto não tinha lá muita graça, mas ele é um dos cães mais famosos do cinema, tendo batizado milhões de cães homônimos pelo planeta. era o companheiro inseparável da menina Dorothy desde a fazenda no Kansas até suas aventuras em Oz. o 'ator' Terry, da raça cairn terrier, roubou cenas em vários outros filmes, até sua morte em 1944)


3.  Bruiser - Legalmente Loira 2 (o simpático chihuahua de uma patricinha - Reese Whiterspoon - fez tanto sucesso no primeiro filme, que seu papel cresceu na continuação, onde foi sequestrado para ser usado por uma empresa de cosméticos. o cãozinho mais fashion do cinema)


4.  Sammy Davis, Jr, Jr - Uma Vida Iluminada (um jovem judeu americano - Elijah Wood -, vai para o interior da Ucrânia, em busca de suas origens. para levá-lo à vila de seus antepassados, contrata um guia "acelerado, que é acompanhado por seu avô, um motorista que se faz de cego, e uma border collie com alguns problemas mentais, chamada Sammy Davis Junior Junior, que supostamente deveria ser acompanhante de cegos, mas não foi terinada para isso, foi resgatada de um abrigo)


5.  Verdell - Melhor é Impossível (um escritor obsessivo compulsivo - Jack Nicholson - é obrigado a cuidar do cão de seu vizinho, um artista gay, que vai parar num hospital após um assalto. a princípio ele tem horror do cachorro, um pequeno griffon belga, mas com a convivência, se tornam grandes amigos)


6.  Sam - Eu Sou a Lenda (após a humanidade ser dizimada por um vírus, um dos últimos sobreviventes sãos, vaga por Nova York, em busca da cura, tendo como única companhia uma pastora alemã, Sam, que o protege e acompanha. todos choramos com ela)


7.  Maya - Resgate Abaixo de Zero (Maya é a líder da matilha, formada ainda por Buck, Dewey, Max, Old Jack, Shadowz, Shorty e Truman Capote. um pesquisador no Ártico e o treinador de cães de trenó, são obrigados a abandonar os animais numa base remota, por conta de uma tempestade que se aproxima, para buscá-los mais tarde. o compromisso de buscá-los não é cumprido e o seu treinador luta por seis meses para resgatá-los. comovente) 


8.  Asta/Mr.Smith - Cupido é Moleque Teimoso (nesta ótima comédia de 1937, o terrier Asta é fruto de disputa judicial entre os protagonistas - Cary Grant e Irene Dunne. o cão Skippy, que ficou conhecido como Asta, seu papel na série de comédias de mistério inicada por 'A Ceia dos Acusados', estrelou dezenas de filmes nos anos 30 e tem fã clubes até hoje)


9.  Milo - O Máscara (Jim Carrey encontra uma estranha máscara de um deus escandinavo, que dá super poderes a quem a coloca, tudo vai bem até que seu cãozinho MIlo a veste. o simpático jack russell terrier rouba o filme, apesar dos efeitos especiais)


10.  Mel - Feitiço do Coração (a buldogue americana Mel, tem papel de destaque na aproximação de seu dono, um viúvo - David Duchovny - e uma garçonete, que sofreu um recente transplante de coração - Minnie Driver. a cachorra é a pivô das cenas mais comoventes, não é difícil adivinhar o motivo)


Veja Também: "10 Cachorros Protagonistas de Filmes" e "10 Filmes sobre Animais".

quinta-feira, 24 de junho de 2010

10 Filmes sobre Troca de Corpos



Alguém aí pensou em clichê? 
Um tema recorrente do cinema é a troca de corpos. Pai que se transforma em filho, idoso que vira adolescente, homem que vira mulher e, em todos os casos, vice versa. 
E sempre de maneira improvável, quando não ridícula.
O artifício serviu bem a comédias românticas e até a filmes de ação.
Esta lista traz 10 filmes onde há uma troca de corpos, então não tem reencarnações ou envelhecimento súbito - leia-se "Big". É preciso que hajam duas personagens que troquem de identidade entre si.


1.  Se Eu Fosse Você (um casal - os ótimos Glória Pires e Tony Ramos - começa uma discussão boba e quando mencionam simultaneamente a frase "se eu fosse você" trocam de corpos. então terão que conviver com o problema e entender melhor o lado do outro. enorme sucesso do cinema nacional, que teve uma continuação igualmente bem sucedida. passatempo simpático)


2.  Se Eu fosse Minha Mãe (uma jovem colegial - Jodie Foster novinha - e sua mãe acham a vida da outra muito fácil. numa sexta-feira ambas têm o mesmo desejo, ao mesmo tempo, de trocar de lugar com a outra. e, num passe de mágica - vocês vão ler muito isso aqui, rsss -, trocam de corpos para constatar que a vida da outra não era tão tranquila. sucesso dos estúdios Disney de 1976, um precursor do tema)


3.  Sexta-feira Muito Louca (Jamie Lee Curtis e Lindsay Lohan são mãe e filha adolescente e discordam de tudo uma da outra, do cabelo de uma ao noivo da outra. numa sexta-feira, no auge da briga, trocam de corpo uma com a outra e, claro, começam a entender melhor suas posições. refilmagem atualizada de 2003 de Freak Friday/Se Eu Fosse Minha Mãe)


4.  Coisas de Meninos e Meninas (vizinhos desde a infância, dois jovens não poderiam ser mais diferentes. ele é atleta e ela estudiosa e sempre pegam no pé um do outro. até que um dia, durante uma discussão em frente a uma estátua asteca - fala sério! -, num passe de mágica - claro! -, trocam de corpos e vão se meter em várias confusões até destrocar e perceberem que se amam, #prontofalei!)


5.  De Volta aos 18 (um rapaz de 18 anos - Charles Schlater - e seu avô de 81 - George Burns - trocam de corpos após um acidente de carro.agora o avô vai aproveitar a vida, enquanto o neto está preso no corpo do idoso no hospital. igual aos demais)


6.  Vice Versa (um pai divorciado e seu filho de 11 anos - Judge Reinhold e Fred Savage - trocam de corpos por culpa de um misterioso crânio oriental, que encontram na loja onde o pai trabalha. o pai terá que ir para a escola e o garoto terá que lidar com a namorada deste)


7.  Pon un Hombre en tu Vida (após um acidente na piscina, um rapaz e uma moça trocam de corpos. o problema é que ele terá que dirigir seu time de futebol numa importante partida e ela irá se casar. eles decidem cooperar um com o outro. divertida versão espanhola)


8.  Tal Pai, Tal Filho (um cardiologista renomado - Dudley Moore - bebe por acaso uma poção indígena misturada ao seu drink e, num passe de mágica - rssss -  acaba trocando de corpo com seu filho adolescente - Kirk Cameron. o pai tem que viver de mesada e o filho aproveita o jaguar do pai)


9.  Flertando com o Inimigo (uma jornalista briga com o namorado - Guy Pearce - e pede que ele se coloque no lugar dela. inexplicavelmente - inexplicavelmente - eles acordam no dia seguinte de corpos trocados. roteiro previsível, piadas bobas, mas esta comédia romântica australiana diverte)


10.  A Outra Face (John Travolta é um agente do FBI que vê seu filho ser morto por tiros destinados a ele por um terrorista psicopata - Nicolas Cage. depois de seis anos ele consegue capturá-lo e descobre que um grande atentado irá acontecer. ele, então, faz uma operação revolucionária e troca de rosto com o terrorista para convencer o irmão deste a dar os detalhes da localização da bomba. mas o terrorista sai do coma, agora com o rosto do agente. confuso, mas eletrizante filme de John Woo. o mais factível desta lista)


Veja também: "10 Filmes sobre Viagens no Tempo"

terça-feira, 22 de junho de 2010

10 Filmes sobre Pedofilia




Este é um daqueles assuntos que temos medo até de mencionar, um tabu dos mais pesados, que nos incomoda. Mas o cinema gosta de polêmicas...
Tecnicamente, a pedofilia é um desvio sexual, caracterizado pela atração de um adulto ou mesmo adolescente por crianças pré-púberes (até por volta dos 12 anos de idade).
Existem dezenas de bons filmes calcados no tema e, em quase todos, o adulto termina mal.
Esta lista traz 10 desses filmes. 
*Lembrem-se que nesta lista só cabem 10 filmes. Peço que sugiram outros títulos nos comentários.

1.  Lolita (o professor Humbert Humbert - o genial James Mason - aluga um quarto na casa de uma viúva, que mora com sua filha Dolores, de 12 anos, por quem fica fascinado. a ponto de concordar em casar com a viúva, só para ficar perto da menina. para complicar surge um vilão ainda mais doentio - Peter Sellers. grande filme de Stanley Kubrick baseado no polêmico livro de Vladimir Nabokov. foi desnecessariamente refilmado por Adrian Lyne em 1997)

2.  Na Captura dos Friedmans (um documentário tocante e instigante sobre um respeitado professor, preso em 1987, junto com seu filho de 18 anos, sob a acusação de abusar de menores. na época, a história causou grande repercussão, colocando a comunidade contra a família, que desintegrou-se. a partir de filmes caseiros, o diretor reconstrói os fatos, deixando no ar a dúvida da culpa. quem se lembra da escola Base?)

3.  Mistérios da Carne (dois rapazes, abusados na infância pelo treinador de beisebol, lidam de maneira bem diferente com o fato. um deles, traumatizado, apagou o abuso da memória e acredita ter sido abduzido por alienígenas. o outro - o excelente Joseph Gordon-Levitt -, se torna um bad boy e garoto de programa. de longe o melhor filme do cineasta - de filmes de temática gay - Greg Araki)

4.  Menina Bonita (em 1917, a bela filha de 12 anos de uma prostituta - Brooke Shields e Susan Sarandon respectivamente -, mora com ela num bordel e se prepara para seguir os passos da mãe. tem sua virgindade leiloada e, logo depois, se casa com um fotógrafo bem mais velho - Keith Carradine. um bom filme de Louis Malle, com linda fotografia de Sven Nykvist, mas que hoje não seria feito) 

5.  Felicidade (a história da vida disfuncional de três irmãs, uma delas é mãe de três filhos e feliz casada com um psiquiatra - Dylan Baker. infelizmente ele tem uma fascinação por meninos, os colegas do filho de 11 anos, fantasia sobre um assassinato em massa no parque e se masturba vendo revistas adolescentes... simpático, não? uma pequena obra-prima de Todd Slodonz, que tem ainda mais uma ótima participação de Philip Seymour Hoffman)

6.  Menina Má.com (uma garota de 14 anos - Ellen Page, a Juno - marca um encontro com um fotógrafo de 32 anos, que conheceu na internet. ele fica fascinado pela garota e a convence a ir até sua casa. mas as coisas não são como parecem e ela executa uma vingança planejada contra quem ela acredita ser um pedófilo e possível assassino. filme do diretor de clipes David Slade)

7.  For a Lost Soldier (um soldado canadense na Holanda no final da segunda desenvolve uma forte amizade com um menino de 12 anos, que está na casa de parentes. a história é contada pelo ponto de vista do garoto e, com alguma sutileza, sugere sua iniciação sexual. é uma história de amor arriscada de se contar, que procura não fazer juízo da relação, e acho que não seria mostrada se o filme não fosse holandês)

8.  A Menina do Fim da Rua (Jodie Foster é uma garota de 13 anos, que vive sozinha numa casa e sempre inventa uma desculpa para seu pai estar ausente. seu maior problema é a mulher que alugou a casa para seu pai e seu filho pedófilo - Martin Sheen, repulsivo. ela fará qualquer coisa para proteger sua independência e seu segredo)

9.  Pecados Íntimos (Jack Earle Haley - indicado ao Oscar - é um pedófilo condenado, que sai em liberdade condicional para morar com a mãe, que tenta reintegrar-se à sociedade que o condena e persegue. a história corre paralela ao relacionamento extra-conjugal de dois pais de crianças que frequentam o parque - Kate Winslet e Patrick Wilson. a cena do pedófilo entrando na piscina e todos saindo é emblemática)

10.  O Lenhador (depois de 12 anos preso por molestar garotinhas entre 10 e 12 anos, Kevin Bacon sai em condicional e consegue um emprego. seu maior problema é que só consegue uma apartamento a menos de 100 metros de uma escola. mas tenta reconstruir a vida, quando percebe um pedófilo rondando os garotinhos da escola. hollywood)

PS: (Filmes sobre o tema que vi depois da lista ter sido elaborada)
11.  Michael (incômodo e revoltante, este filme austríaco de 2011 conta a história de um homem de 35 anos que mantém no porão de sua casa um garoto de 10 que ele sequestrou para abusar dele regularmente) 

sexta-feira, 18 de junho de 2010

10 Filmes de Grace Kelly



Grace Patricia Kelly nasceu em 1929, na Filadélfia, numa rica família de origem irlandesa. 
Cedo se destacou por seu talento e beleza. Mudou-se aos 17 anos para Nova York, onde estudou artes dramáticas, foi modelo, fez alguns programas de televisão ao vivo e estreou na Broadway aos 20 anos.
Logo estava no cinema, onde teve uma carreira curta, mas muito relevante. Ganhou um Oscar e dois Golden Globes.
Aos 25 anos de idade, abandonou a carreira no auge, para casar-se com o príncipe Rainier III, de Mônaco, com quem teve três filhos. Morreu num acidente de carro, após ter um derrame cerebral, com apenas 52 anos.
Esta lista traz 10 filmes, dos 11 que a princesa fez para o cinema.


1.  Janela Indiscreta (Grace interpreta a noiva do fotógrafo - James Stewart -, que está preso em seu apartamento, depois de ter quebrado a perna e passa o tempo observando os vizinhos, pela janela. um dia começa a desconfiar que um de seus vizinhos assassinou a esposa. com a ajuda de Grace, ele tenta investigar. um dos melhores filmes de Hitchcock e a segunda colaboração de Grace com o mestre)


2.  Disque M Para Matar (um ex-tenista profissional chantageia um amigo, para que ele mate sua esposa - Grace - e ele fique com a herança. quando o plano dá errado, ele elabora um brilhante plano b. primeiro filme dela com Hitchcock, lhe valeu alguns prêmios importantes. uma curiosidade, oi filme foi feito para 3D)


3.  Amar é Sofrer (Bing Crosby é um ator inseguro, decadente e alcóolatra que, com a ajuda de um amigo diretor - William Holden - retorna aos palcos para um musical. o amigo acredita que a esposa - Grace Kelly - é a causa dos seus problemas. Oscar de melhor atriz e roteiro para o diretor George Seaton)


4.  Matar ou Morrer (Gary Cooper é um xerife que, no dia do seu casamento e prestes a mudar-se de cidade, fica sabendo que um criminoso que ele colocou na cadeia chegará no trem do meio-dia em busca de vingança. a despeito dos apelos de sua esposa quaker - a jovem Grace - e da covardia dos habitantes da cidade, ele decide ficar para enfrentá-lo. western clássico de Fred Zinnemann e primeiro papel importante de Grace no cinema)


5.  Ladrão de Casaca (Cary Grant é um ex-ladrão de jóias, que é suspeito de uma série de roubos na Riviera francesa. para não voltar para a cadeia, ele vai atrás do verdadeiro culpado, usando a filha de uma milionária como isca. um filme romântico de Hitchcock, que já estava, até ele, apaixonado por Grace)


6.  Alta Sociedade (moça rica está prestes a se casar, mas hesita, porque está interessada em outro - Frank Sinatra - e, para complicar, o ex-marido - Bing Crosby - reaparece tentando reconquistá-la. musical com canções de Cole Porter, incluindo "True Love", que valeu a Grace e Bing um disco de platina. foi último filme de Grace Kelly, antes de se tornar princesa)


7.  Mogambo (Ava Gardner chega a um remoto local da África, para encontrar-se com um rico marajá, que já havia partido. enquanto ela espera por um novo barco, assedia um caçador, seu ex-amante - Clark Gable -, que não quer nada com ela e está numa missão para levar um casal de cinegrafistas ao encontro de gorilas selvagens. a esposa do cinegrafista - Grace Kelly - acaba se apaixonando pelo caçador. valeu um Golden Globe de atriz coadjuvante e a primeira indicação ao Oscar para Grace)


8.  O Cisne (uma princesa precisa que sua única filha - Grace - se case com um príncipe herdeiro - Alec Guiness -, para continuar frequentando a realeza. o príncipe, por seu lado, está entediado com tantas candidatas a esposa, mas apaixona-se assim que a conhece. o problema é que ela parece ter olhos para tutor do príncipe. penúltimo filme de Grace e único, interpretando uma princesa, o que serviu bem para a divulgação do filme)


9.  As Pontes do Toko-Ri (durante a guerra da Coréia, um piloto da reserva - William Holden -, veterano da segunda guerra, decide sair da aposentadoria e deixar a esposa - Grace -, para voltar ao combate. um filme de guerra mediano, que ganhou o Oscar de efeitos especiais)



10.  Tentação Verde (Stewart Granger é um engenheiro vai à Colômbia em busca de esmeraldas e acaba se apaixonando por uma fazendeira de café - Grace Kelly. as lindas paisagens e Grace compensam a trama previsível)


Veja ainda: "10 Filmes de Marilyn Monroe"

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails