quinta-feira, 25 de julho de 2019

10 Filmes de Rutger Hauer

Rutger Oelsen Hauer nasceu na Holanda em 1944, filho de dois professores de teatro e morreu no último dia 19 de julho aos 75 anos.
O ator também era ambientalista e tinha uma ONG dedicada à pesquisa e ao esclarecimento sobre a Aids.
Com quase 200 créditos no cinema e televisão foi um dos atores mais importantes de seu país, reconhecido mundialmente. Seus primeiros filmes foram em conjunto com o diretor Paul Verhoeven na década de 1970, época grande efervescência do cinema holandês.
Esse destaque levou ambos para Hollywood, onde o ator logo se destacou como um replicante em 'Blade Runner - Caçador de Andróides', de 1982.
A partir daí protagonizou dezenas de filmes, especialmente de ação.
Esta pequena lista destaca alguns de seus melhores filmes, mas podia ter muitos outros. Quais os seus favoritos?

1. Blade Runner
Era apenas seu segundo filme em Hollywood e Hauer encontrou o tom perfeito para Roy Batty, o líder dos replicantes, um androide cheio de angústia e humanidade. Sua parcceria com o diretor Ridley Scott lhe deu a oportunidade de improvisar o icônico discurso final, quando estava prestes a morrer: "Eu vi coisas que vocês não imaginariam. Naves de ataque em chamas ao largo de Órion. Eu vi raios-c brilharem na escuridão próximos ao Portal de Tannhäuser. Todos esses momentos se perderão no tempo, como lágrimas na chuva. Hora de morrer."

2. Louca Paixão
Dirigido pelo amigo Paul Verhoeven, este drama romântico de 1973 foi indicado ao Oscar de filme estrangeiro e é um marco do cinema holandês. Rutger é um escultor boêmio que conhece e se apaixona por uma garota de família rica, eles se casam contra a vontade da família da moça, mas logo ela começa a agir de forma estranha e o abandona. Um filme muito triste e visceral. O sucesso levou os correios do país a lançar um selo anos mais tarde com a imagem do ator no filme.  

3. O Feitiço de Áquila
O diretor Richard Donner inicialmente quis Hauer para o papel de vilão, mas acabou se convencendo que ele era perfeito para o herói, um cavaleiro medieval que viajava pela Itália do século XII acompanhado de um falcão. Na história, um malandro condenado (Matthew Broderick) foge das masmorras de Áquila e conhece o cavaleiro, que quer que ele o leve de volta à fortaleza para matar o bispo e quebrar o feitiço que faz com que o cavaleiro se transforme todas as noites em um lobo, enquanto seu falcão se tornae uma bela mulher (Michelle Pfeiffer), amantes que só se encontram brevemente ao pôr e ao nascer do sol. Uma fantasia de grande sucesso, até hoje lembrada.

4. O Moinho e a Cruz
Uma recriação em movimento do quadro "A Procissão para o Calvário" (1564), de Pieter Bruegel, que narra a Paixão de Cristo durante a ocupação espanhola. A história alterna a construção do quadro, narrada pelo próprio pintor (Rutger Hauer), o sofrimento de Jesus, comentado por Maria (Charlotte Rampling), e a vida típica dos camponeses que compunham esta sociedade do século XVI. Uma fotografia deslumbrante, que emula as pinceladas do mestre flamengo.

5. A Nação do Medo
Esta produção da HBO de 1994 parte da intrigante premissa que a Alemanha venceu a 2ª Guerra Mundial. A ação se desenrola em 1964, numa Alemanha fictícia, que estando em guerra com a União Soviética precisa se aliar aos Estados Unidos e Adolf Hitler deve receber o presidente americano, John Kennedy, para selar o pacto. Um oficial da SS (Rutger Hauer) começa a ficar intrigado com certos "suicídios" e "acidentes" e, com a ajuda de uma repórter americana (Miranda Richardson), começa a investigar as mortes, que escondem uma verdade tão grave que pode comprometer a aliança. 

6. Soldado de Laranja
Holanda, 1940. A Segunda Guerra Mundial atinge seis jovens estudantes holandeses. Até então descrentes, eles terão de decidir se aliam-se aos nazistas, lutam na resistência ou permanecem na clandestinidade. Um deles, Erik Lanshof (Rutger Hauer), prefere a liberdade e confia seu futuro ao imprevisível destino. Dirigido por Paul Verhoeven, foi indicado ao Golden Globe de filme estrangeiro.

7. Conquista Sangrenta
No ano de 1501, a peste negra se espalha pela população. Um grupo de mercenários comandados por Rutger Hauer luta ao lado do nobre, que quer recuperar seu castelo. Os mercenários deveriam receber uma boa quantia, mas acabam sendo passados para trás pelo nobre. Em busca de vingança, eles sequestram a noiva do filho dele (Jennifer Jason Leigh), que acaba se envolvendo com o mercenário. Dirigido por Paul Verhoeven, é violento e sexual. Polêmico, não teve o sucesso esperado pelos produtores, mas é um bom filme.

8. A Lenda do Santo Beberrão
Um misterioso senhor empresta dinheiro a um mendigo beberrão de Paris - Rutger Hauer -, com a condição de que ele devolva toda a quantia no altar de uma igreja na semana seguinte. Ainda que o homem passe a gastar tudo em bebida, o dinheiro sempre reaparece como por milagre. Baseado na obra de Joseph Roth e dirigido pelo italiano Ermano Olmi, venceu o Leão de Ouro no Festival de Veneza. Bem interessante.

9. O Casal Osterman
O último filme de Sam Peckinpah, é uma adaptação do livro de Robert Ludlum. O crítico de TV (Rutger Hauer) tem como tradição chamar seus três amigos para um fim de semana no campo. Porém, antes dessa reunião, um agente da CIA (John Hurt) o procura para lhe contar que seus amigos são, na verdade, espiões da KGB e pede sua ajuda para desmascará-los. Um filme confuso, mas que tem a marca do diretor na parte final escpecialmente violenta. Destaque para o inacreditável título nacional, que inventa um casal Osterman, que era o nome de um dos amigos supostamente espião, mas que nem tinha uma esposa.

10. A Morte Pede Carona
C. Thomas Howell é um jovem que está levando um carro para a Califórnia. No caminho ele dá carona a um psicopata, John Ryder (Rutger Hauer assustador), que mata todos os motoristas que lhe dão carona. Ele consegue escapar, mas o assassino começa a persegui-lo de maneira implacável. Para piorar as coisas, a polícia pensa que o rapaz é o autor das mortes. Uma pequena pérola do suspense de 1986, assistam!

11. Fuga de Sobibor
12. O Senhor das Águias
13. Sin City
14. Batman Begins
15. Valerian e a Cidade dos Mil Planetas
16. Fúria Cega
17. Hobo With a Shotgun
18. Borboletas Negras
19. O Sequestro de Heineken
20. Sem Controle (Spetters)






Veja ainda:

Um comentário:

  1. Que descanse em Paz, Hauer. Foi inesperado mesmo.
    Blade Runner e A Morte Pede Carona são uns dos meus filmes favoritos.

    ResponderExcluir

Todo comentário do Listas de 10 será moderado para evitar abusos.
Por isso mesmo, não são publicados imediatamente. Seja paciente!
Ao final de seu comentário, identifique-se! É chato conversar com anônimos.
Obrigado!