sábado, 29 de agosto de 2009

10 Filmes de Alfred Hitchcock



Sir Alfred Joseph Hitchcock nasceu na Inglaterra no dia 13 de agosto de 1899, filho de um vendedor de frutas e verduras. Foi educado sob rígida disciplina católica, o que influenciou muito sua formação.
Começou a dirigir filmes mudos em 1922, logo se destacando. Em 1939 foi convidado a trabalhar em Hollywood, onde desenvolveu suas obras mais importantes e revolucionou o cinema para sempre.
Tudo o que vemos hoje no cinema tem uma pitada do que ele criou.
Vi quase todos os 67 filmes dele, escolher apenas uma lista de 10 é quase cruel, mas vamos lá...

1.  Um Corpo que Cai (James Stewart é um policial aposentado por um trauma que o deixou com medo de altura, que tornou-se detetive e é contratado pelo marido de uma misteriosa mulher em crise de identidade. algumas cenas são antológicas, como a da galeria de arte e os inovadores efeitos de zoom que potencializavam a sensação de vertigem. genial e revolucionário)

2.  Intriga Internacional (Cary Grant é um publicitário, confundido com um agente secreto por espiões e passa a ser perseguido por todo o país tanto pelo governo quanto pelos espiões. um pouco de nonsense e muito fôlego. a cena da perseguição por um avião é incrível. o título vem de uma citação de Shakespeare: "eu sou louco, mas louco norte-noroeste")

3.  Os Pássaros (Tippi Hedren é uma jovem de San Francisco que vai para a pequena cidade costeira de Bodega Bay atrás de um potencial namorado, mas quando ela chega os pássaros da cidade começam a comportar-se de maneira estranha, atacando as pessoas em bandos. o filme teve imitações com todo tipo de bichos, mas este filme é único e excepcional. nunca mais olhei para um pássaro no fio da mesma forma)

4.  Pacto Sinistro (um tenista famoso viaja para tentar divorciar-se da esposa infiel para poder casar novamente e não consegue. na volta de trem conhece um psicopata que conhece sua história dos jornais e propõe matar a mulher, desde que em troca o tenista mate seu pai por ele. o rapaz não concorda, mas o maluco faz sua parte e começa a exigir que o outro cumpra a sua. brilhante e angustiante)

5.  A Tortura do Silêncio (Montgomery Clift é um padre que ouve a confissão de um assassino e tenta persuadi-lo sem sucesso a entregar-se. preso ao segredo de confissão, o padre não pode revelar o que sabe sobre o crime e acaba sendo ele próprio apontado como suspeito. Hitch enfrenta seus próprios dogmas)

6.  Psicose (Janet Leigh é uma secretária que foge com o dinheiro de um cliente, desvia-se da estrada numa noite chuvosa e é obrigada a hospedar-se num motel de onde não irá mais sair. envolvente, brilhante, doentio, Anthony Perkins nunca mais se livrou do personagem Norman Bates. um dos grandes filmes do mestre)

7.  Janela Indiscreta (James Stewart é um fotógrafo preso em seu apartamento com a perna quebrada, que resolve passar o tempo espionando seus vizinhos, mas acaba presenciando o que acredita ser um assassinato. planos brilhantes, tensão agoniante, muito duplo sentido, um Hitch perfeito)

8.  O Homem que Sabia Demais (um médico em férias com a esposa e o filho no Marrocos acaba se envolvendo numa trama de assassinato após ser abordado por um homem à beira da morte. os bandidos sequestram seus filhos para que ele não revele o que sabe. a história era tão boa que ele rodou duas vezes - a versão de 1956 é melhor)

9.  O Homem Errado (Henry Fonda - ótimo - é um músico acusado injustamente e preso por um crime que não cometeu e só pode contar com o testemunho de sua esposa - Vera Miles -, que não suporta a pressão. baseado numa história real é um dos filmes mais sombrios de Hitchcock)

10.  Rebecca, a Mulher Inesquecível (Joan Fontaine é uma jovem de origem humilde que casa-se com um rico nobre inglês - Laurence Olivier -, mas desde que muda-se para a sua mansão é assombrada pela memória da falecida esposa. é o primeiro filme americano do mestre e já ganhou o Oscar de melhor filme. dame Judith Anderson como a governanta fiel à falecida patroa é uma das melhores vilãs da história. baseado em livro de Daphne Du Maurier)

6 comentários:

  1. Festim Diabólico entraria na lista.

    ResponderExcluir
  2. Oi Giselle,
    Festim Diabólico (Rope) é interessante pela proposta de fazer um filme sem cortes aparentes, por isso inovador.
    Mesmo assim eu não o considero dos melhores filmes do Hitch, que fez cerca de 60 filmes, muitos melhores que este.
    Mas vale a máxima, mesmo o pior filme do Hitchcock é melhor que 99% do que se faz no cinema atual.
    Obrigado por comentar!
    Abs!!!

    ResponderExcluir
  3. e eu adicionaria Chantagem e Confissão na lista - foi o primeiro filme com som da Inglaterra e a cena do café-da-manhã é perturbadora e icônica.
    Once in Bodega Bay

    ResponderExcluir
  4. Ótima lista, eu só trocaria "A Tortura do Silêncio" e "Pacto Sinistro" por "Interlúdio" e "A Sombra de uma Dúvida". Ou melhor do que isso, adicionaria à lista hehe.

    ResponderExcluir
  5. Muito boa a lista!

    Mas vendo ela, me veio uma sugestão de Lista:

    - 10 filmes com o protagonista chamado James Stewart,

    E olha que só na pesquisa aqui no Blog já encontrei vários, realmente curioso!
    Será que os roteiristas norte-americanos não tinham uma criatividade maior na hora de escolher o nome do protagonista?

    ResponderExcluir
  6. muito boa a lista
    11- suspeita

    ResponderExcluir

Todo comentário do Listas de 10 será moderado para evitar abusos.
Por isso mesmo, não são publicados imediatamente. Seja paciente!
Ao final de seu comentário, identifique-se! É chato conversar com anônimos.
Obrigado!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails