segunda-feira, 10 de setembro de 2012

10 Filmes de Ricardo Darín


O portenho Ricardo Darín estreou no teatro aos 10 anos de idade junto com seus pais, também atores. Aos 12 anos já fazia cinema.
Ainda nos anos 80, tornou-se muito popular na televisão Argentina como um dos "galancitos", um grupo de jovens atores com uma legião de fãs. Mas felizmente não ficou refém desse estereótipo.
No cinema estrelou dezenas de filmes e foi reconhecido com diversos prêmios e indicações. Mas a consagração internacional veio apenas no ano 2000 com o ótimo "Nove Rainhas".
Esta lista traz apenas 10 dos filmes de Darín, mas em qualquer filme em que seu nome aparece nos créditos, as atenções vão todas para ele.

1.  O Segredo dos teus Olhos (Darín vive um ex-advogado do estado, que aproveita a aposentadoria para escrever um livro sobre um caso que foi obrigado a cuidar há 25 anos e cuja solução nunca considerou correta. ao remexer o passado, passa a conviver com aqueles personagens, com desdobramentos inesperados. vencedor do Oscar de filme estrangeiro e outras dezenas de prêmios, é o maior sucesso internacional do cinema argentino. de Juan José Campanella - 2009)

2.  Abutres (aqui Darín é um abutre, um advogado especializado em acidentes rodoviários, que fica nas emergências de hospitais em busca das vítimas, para representá-las contra o seguro. em suas caronas noturnas na ambulância de socorro, apaixona-se por uma paramédica e decide mudar de vida, o que não será tão simples. de Pablo Trapero - 2010)

3.  Nove Rainhas (um golpista veterano - Darin -, convida outro iniciante - Gastón Pauls -, para juntos darem um golpe num colecionador de selos espanhol, ao vender uma série forjada  de selos raríssimos - as nove rainhas. mas aos poucos vamos descobrindo que nada é o que parece, neste intrincado e engenhoso jogo de xadrez. de Fabian Bielisnky - 2000)

4.  Aura (um tímido taxidermista epiléptico sonha realizar um crime perfeito. quando vai caçar na Patagônia com um amigo, a oportunidade aparece. ao matar acidentalmente um caçador local, descobre um plano para roubar o dinheiro de um cassino. o curioso é que quando ele têm seus ataques de epilepsia, uma aura se abre e ele consegue ver claramente detalhes do seu futuro e organizar suas ações. grande atuação de Darín no segundo e último filme de Fabian Bielisky - 2005)

5.  Um Conto Chinês (um veterano da guerra das Malvinas vive recluso em sua loja de ferragens e está sempre mal humorado. até acidentalmente ser obrigado a ajudar um chinês, perdido em Buenos Aires sem falar a língua, que está em busca de um parente. boa comédia, valorizada pela divertida atuação de Darín em um de seus melhores personagens. de Sebastián Borensztein - 2011)

6.  O Filho da Noiva (Darín é um homem que aos 42 anos está em crise. vive à sombra de seu pai - Hector Altério -, cuidado do restaurante da família e sente culpa por raramente visitar a mãe - Norma Aleandro - num asilo. sua ex-esposa reclama da falta de atenção dele à filha e sua namorada quer que ele defina seu compromisso. com tantas preocupações ele sofre um pequeno ataque cardíaco e, com ajuda de um amigo de infância, começa a repensar a vida. lindíssimo e emocionante. de Juan José Campanella - 2001)

7.  XXY (Darín é o pai de uma criança intersexual, ou hermafrodita, que decide levar a família a viver em locais isolados, como no interior do Uruguai, para que possam proporcionar um crescimento tranquilo à criança até que tenha idade para decidir por um dos sexos. quando chega aos 15 anos, a sexualidade aflora e os problemas ficam maiores. um filme bonito e delicado com um tema espinhoso. de Lucia Puenzo - 2007)

8.  A Educação das Fadas (um inventor de brinquedos conhece a mulher de sua vida e o filho que nunca teve num voo que os leva a Barcelona. ela - Irene Jacob - é uma ornitóloga, viúva de um piloto de caça e o seu filho de 8 anos tem uma imaginação muito fértil. tudo vai bem até que ela decide terminar a relação sem maiores explicações. ele então passa a reconciliar sua nova família. um filme cuidadosamente feito para emocionar e... emociona mesmo. de José Luis Cuerda - 2006)

9.  Elefante Branco (Darín é um padre argentino que resgata um outro belga após a aldeia onde estava ser atacada na Amazônia e o leva para ajudar na paróquia situada numa grande favela da periferia de Buenos Aires. expostos à violência e à pobreza eles tentam defender a comunidade contra a repressão. um filme estereotipado, mas que vale pela rara denúncia social em filmes argentinos. de Pablo Trapero - 2012)

10.  A Dançarina e o Ladrão (com a chegada da democracia ao Chile, o presidente anistia diversos prisioneiros, entre eles um notório ladrão de bancos - Darín - que agora quer apenas recuperar sua família e um jovem audacioso, que quer a ajuda do veterano num grande golpe. as coisas se complicam quando o jovem se apaixona por uma jovem bailarina traumatizada pela morte dos pais durante a ditadura. roteiro bem fraco, mas como de costume, uma grande atuação de Ricardo. de Fernando Trueba - 2009)

Veja ainda: "10 filmes de Michael Haneke"


6 comentários:

  1. ótima lista, mas faltou o "El mismo amor, la misma lluvia", filme que fez o Darín um sucesso na Argentina. Abs

    ResponderExcluir
  2. faltou na lista " O Sinal" (La Señal), exelente filme de ricardo darin.

    ResponderExcluir
  3. Desses só vi o Segredo de seus olhos, que é ótimo, vou tentar ver os outros.

    ResponderExcluir
  4. Buen listado, aunque creo que os faltan 'El mismo amor la misma lluvia', 'Luna de Avellaneda' y 'Kamtchatka' que me parecen más reseñables que algunas de las mencionadas...

    Saludos!

    ResponderExcluir
  5. Não vi nenhum por enquanto! Agora pretendo ver todos!

    ResponderExcluir
  6. Se o cinema brasileiro tem Selton Mello, o cinema argentina tem o Ricardo Darín.

    ResponderExcluir

Todo comentário do Listas de 10 será moderado para evitar abusos.
Por isso mesmo, não são publicados imediatamente. Seja paciente!
Ao final de seu comentário, identifique-se! É chato conversar com anônimos.
Obrigado!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails