sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

10 Filmes de Luis Buñuel


Contestador, ateu e anticlerical, Buñuel foi o mais controverso e também o mais brilhante cineasta que a Espanha já teve.
Nascido em 1900, numa família abastada, assistiu seu primeiro filme em 1908. Em 1917 mudou-se para Madri, onde conheceu Garcia-Lorca e Salvador Dali e fundou o primeiro cine-clube espanhol.
Em 1925 foi para Paris, estudar cinema e fez seus primeiros filmes, junto com o amigo surrealista Dali.
Voltou à Espanha, em 1931, após a proclamação da república, mas com o início da Guerra Civil e a ditadura de Franco, decidiu exilar-se nos Estados Unidos em 1938.
Entre 1948 e 1960 viveu no México, onde encontrou começou dirigindo filmes comerciais, mas acabou encontrando o tom de seu cinema e naturalizou-se mexicano.
De volta ao país natal em 1960, para dirigir Viridiana, foi ingenuamente financiado pelo governo Franco e acabou causando enorme polêmica com a igreja, sendo proibido no país até 1973, mesmo tendo ganho a Palma de Ouro em Cannes.
Nos anos seguintes viveu entre a Espanha e a França, filmando ativamente, até vir a morrer em 1983 na Cidade do México.
Selecionei 10 filmes do mestre para ilustrar um pouco da importância de sua obra.


1.  Um Cão Andaluz (1929. trata-se de um filme experimental surrealista de 16 minutos, co-dirigido por Salvador Dali. é um filme sem uma história linear, uma reunião de imagens oníricas, encadeadas como num pesadelo. logo na primeira cena, uma mulher tem o olho cortado por uma navalha. é importante como arte, mas difícil de assistir)


2.  Os Esquecidos (1950. um delinquente foge do reformatório e passa a viver nas ruas da cidade do México com outros adolescentes, praticando pequenos roubos e delitos. após envolver-se em um assassinato, entra em conflito com os colegas. um retrato realista da pobreza da infância no terceiro mundo)


3.  Nazarin (1959. um padre humilde procura compartilhar sua pobreza com os necessitados, mas após proteger uma prostituta, acusada de provocar um incêndio, é obrigado a fugir da cidade. em sua peregrinação suas boas ações acabam dando errado, provocando uma série de problemas, levando-o a ser preso. contraditório, Buñuel se dizia "ateu, graças a Deus")


4.  Viridiana (1960. ponto alto de sua carreira, conta a história de uma noviça, que é mandada pela madre superiora para visitar seu tio, antes de fazer seus votos. mas o tio tenta seduzi-la. como ela resiste, ele lhe dá uma droga e pensa em estuprá-la, mas desiste. na manhã seguinte ele tenta fazê-la ficar, dizendo que ela não é mais virgem, mas ela foge e ele se suicida. a partir daí a vida dela muda completamente. o filme ganhou a Palma de Ouro em Cannes, mas foi proibido por 13 anos na Espanha) 


5.  O Anjo Exterminador (1962. após uma farta refeição, os aristocráticos convidados, se sentem incapazes de deixar a sala de jantar, pois criam uma barreira imaginária, contruída por formalismos sociais. os dias se passam e aos poucos caem as máscaras e o grupo passa a viver como um bando de animais. crítica feroz à sociedade burguesa, num filme ... surreal)


6.  A Bela da Tarde (1967. Catherine Deneuve é uma dona de casa rica e entediada, casada com um médico, que não consegue satisfazer. ela decide então arrumar um trabalho como prostituta num bordel, durante as tardes e passa a levar uma vida dupla. o filme mais famoso de Buñuel, premiado em Veneza)


7.  A Via Láctea (1969. dois vagabundos fazem uma viagem em direção à Santiago de Compostela e, pelo caminho, vão se deparando com personagens bíblicos e históricos. um estranho que lhes manda engravidar uma prostituta, um padre louco, orgias místicas e vários milagres, que discutem os seis dogmas católicos. o diretor vai fundo, colocando o dedo na ferida da igreja) 


8.  Tristana, uma Paixão Mórbida (1970. uma órfã - Catherine Deneuve - é entregue aos cuidados de um homem idoso - Fernando Rey. a relação a princípio é de professor e aluna, mas acaba se tornando um caso amoroso, que acaba com a chegada de um bonito jovem. ótimo filme)


9.  O Discreto Charme da Burguesia (1972. uma história surreal de um grupo de amigos da classe média alta francesa, que tenta se reunir para um jantar, mas tudo sempre dá errado. primeiro os convidados chegam um dia antes do combinado, depois são os anfitriões que fogem pela janela para fazer sexo no jardim, numa terceira tentativa, manobras militares dentro da sala impedem o jantar. o tom onírico e satírico habitual do diretor, mais relaxado)


10.  Esse Obscuro Objeto do Desejo (1977. um sofisticado e rico francês de meia idade tenta seduzir a bela camareira de 19 anos. ele faz de tudo para conseguir seus carinhos e acabam manipulando um ao outro. o filme satiriza não apenas a sociedade, mas o conceito de desejo, minimizando-o e tornando-o decadente. último filme do mestre, que deixa uma lacuna)

2 comentários:

  1. É uma ótima lista. Um Cão Andaluz é realmente bem bizarro, tenho agonia de formiga até hoje hahah

    ResponderExcluir
  2. Acabei de ver Um Cão Andaluz e tem 21min e nao 16, pelo menos o q eu vi no YT.

    ResponderExcluir

Todo comentário do Listas de 10 será moderado para evitar abusos.
Por isso mesmo, não são publicados imediatamente. Seja paciente!
Ao final de seu comentário, identifique-se! É chato conversar com anônimos.
Obrigado!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails